O Metropolitan Museum of Art (Met), que costuma receber cerca de 7 milhões de visitantes por ano, será reaberto a 29 de agosto, mediante agendamento para visitas e com ocupação máxima de 25% da sua capacidade. O museu acumula um enorme prejuízo desde março e, em maio, teve de cancelar a Met Gala, maior festa anual de moda.

Com a pandemia COVID-19 sob controlo há alguns meses na cidade, que, em abril, foi o epicentro nos EUA, autoridades de Nova Iorque permitiram a reabertura de museus e outras instituições culturais a partir de 24 de agosto.

Dia 3 de setembro será a vez da reabertura do Whitney Museum of American Art, que adotará as mesmas medidas de distanciamento social que o Met. Até ao fim do mês da reabertura, os visitantes poderão pagar o valor que desejarem pelo bilhete.

O Museum of Modern Art (MoMA) ainda não informou quando irá reabrir, enquanto os teatros da Broadway e a sala de espetáculos Carnegie Hall anunciaram que permanecerão fechados até janeiro. A Metropolitan Opera tem planos de reabrir a 31 de dezembro.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.