O anúncio foi feito em conferência de imprensa no Museu Picasso, onde foi exibida uma das obras cedidas, um quadro de 1938 intitulado "L'enfant à la sucette assis sous une chaise".

As nove obras foram doadas pela filha Maya Ruiz-Picasso, que mantém o direito sobre elas, e incluem seis pinturas, duas esculturas e um caderno de desenhos. A pintura mais antiga desta doação data de 1895, e é um retrato do pai de Picasso.

A ministra francesa da Cultura, Roselyn Bachlelot, considerou esta doação um "acontecimento extraordinário", revelando que as obras irão fazer parte das coleções do Museu Picasso, e serão mostradas ao público a partir de abril de 2022.

Pablo Picasso é considerado um dos nomes maiores e mais influentes das artes do século XX, ligado ao cubismo e ao surrealismo e com uma obra que se estende da pintura à escultura, do desenho à cerâmica. Morreu aos 91 anos, em França, em 1973.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.