O NOS Primavera Sound, que decorre anualmente no Parque da Cidade do Porto, revelou esta terça-feira, dia 4 de fevereiro, o cartaz completo da próxima edição. O festival está marcado para os dias 11, 12 e 13 de junho.

A drag queen brasileira Pabllo Vittar é um dos destaques da edição de 2020. A artista vai subir ao palco do Parque da Cidade do Porto no dia 12 de julho.

Pabllo Vittar quebrou preconceitos e conquistou o seu lugar no mundo da música brasileira - e tem dado passos largos na carreira internacional. A drag queen estreou-se em Portugal, a solo, em abril de 2019, no Campo Pequeno, em Lisboa.

Em 2015, "Open Bar", uma versão de "Lean On", de Diplo, começou a fazer mexer as pistas de dança no Brasil, e o nome Pabllo Vittar foi despertando mais e mais curiosidade junto da comunidade LGBTQ+. E o sucesso chegou com "Todo o Dia", um dos temas mais tocados na época do carnaval em 2017.

Seguiu-se "K.O.", um dos singles do primeiro álbum da artista, "Vai Passar Mal". "Yukê" (expressão que significa "e o quê?")? A partir daí, Pabllo Vittar não mais parou e começou a atravessar fronteiras com "Sua Cara", tema em parceria com os Major Lazer e Anitta.

Do primeiro disco saíram ainda os temas "Corpo Sensual", "Então Vai" e a balada "Indestrutível". Já com uma grande legião de fãs, dentro e fora do Brasil, a artista surpreendeu ao atuar num pequeno palco do Rock in Rio Brasil 2017, no Rio de Janeiro.

Um EP, dois discos, um documentário na Apple Music e uma série na Netflix (Pabllo Vittar dá voz a uma personagem na série de animação "Super Drags"), a artista está "linda, livre, leve e solta" e a conquistar o mundo.  De single em single, foi agarrando mais e mais seguidores: no Instagram, a drag queen soma mais de oito milhões de seguidores, tendo ultrapassado a estrela RuPaul (2,8 milhões de seguidores); já no Spotify, mais de 2800000 pessoas ouvem os temas da artista todos os meses; e no Youtube, a brasileira é seguida por mais de cinco milhões de pessoas.

Ouça os principais singles de Pabllo Vittar

Mas como é que tudo começou? Qual a primeira ligação com o mundo da música? "Quando a minha mãe cantava na igreja, levou-me para o grupo coral  e comecei a cantar aí, em pequenininho. Mas a música está na minha vida desde sempre. Tinha cinco anos, estava no colégio, era criança, e já cantava apenas por diversão. Era mesmo só diversão, naquela altura. Mas apesar de ser uma criança, sabia que queria fazer aquilo, que queria cantar", contou em entrevista ao SAPO Mag.

Com as suas canções, Pabllo Vittar espera sempre ajudar os fãs. Para a artista, os números não são importantes: o importante é passar uma mensagem de esperança. "Adoro interagir com os meus fãs nas redes sociais porque trabalho para os meus fãs. Mas são só números, sabes? A quantidade não importa. O importante é a qualidade. O que importa realmente é a representatividade que trago para o meu país, o Brasil, para as cidades do interior e para as pessoas que, como eu, sonham em construir uma carreira. Eu tenho muita esperança que as pessoas consigam alcançar os objetivos que têm", confessou.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.