A produção do "Big Brother - Duplo Impacto" permitiu que os concorrentes saíssem da 'casa mais vigiada do país' para ir votar antecipadamente e em mobilidade este domingo, dia 17 de janeiro.

"Os concorrentes Hélder e Rui manifestaram a sua vontade em votarem nas eleições presidenciais. A produção do 'Big Brother' assegurou todas as medidas de segurança e os dois foram votar logo de manhã com fatos anti-COVID", revelou a TVI em nota enviada ao SAPO Mag. Já esta segunda-feira, foi revelado que Joana também exerceu o seu direto de voto.

"É um direito cívico, todos nós temos de o fazer. Confesso que gosto de participar em todas as eleições. Sei que os outros colegas não quiseram votar porque sentiram que poderiam não o fazer pelo jogo. Mas foi claramente transmitido pela organização do jogo que tínhamos esse direto. Fui eu, a Joana e o Hélder. Fomos votar com todos os cuidados exigidos pela DGS", contou Rui Pedro, concorrente expulso este domingo, em conferência de imprensa via Zoom.

O empresário de Oliveira do Hospital explicou que votaram às oito da manhã. "Fomos votar em mesas de voto diferentes e tivemos de andar juntos a pedido do responsável que nos levou. (...) Tivemos em conta todos os cuidados exigidos pela DGS. Só se viam os olhos, tínhamos luvas e fato completo. Ficámos praticamente irreconhecíveis. Tiro o meu chapéu à produção", explicou o concorrente.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.