O'Neill contribuirá com "expertise militar e análises na programação ao longo do dia e no horário nobre", informou a emissora.

Num documentário exibido pela Fox no ano passado, O'Neill aparece como aquele que matou Bin Laden numa operação militar secreta dos Estados Unidos no Paquistão.

Antes da exibição do documentário, O'Neill havia contado ao jornal "The Washington Post" que deu o tiro que levou à morte do líder da Al-Qaeda no seu esconderijo na cidade paquistanesa de Abbottabad, em maio de 2011.

O "Post" disse que dois membros da equipa dos Seals confirmaram a sua identidade.

Rob O'Neill recebeu mais de 52 condecorações militares, de acordo com a nota da Fox.

"Rob O'Neill é um herói americano, que dedicou a sua vida a servir nosso país e a proteger as nossas liberdades", elogiou o CEO da Fox News, Roger Ailes.

"É incrivelmente raro ter alguém no papel de comentador na televisão com esta experiência na liderança de uma unidade de combate. O seu conhecimento militar será um enorme ativo para a emissora, e estamos honrados em tê-lo conosco", elogiou Ailes.

Os Navy Seals fazem parte das Forças de Operações Especiais Americanas.

@AFP

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.