A artista faleceu na sua casa em Los Angeles após anos de luta contra um cancro de mama, informou um assessor de Carrol.

A atriz, nomeada ao Óscar e vencedora do prémio de teatro Tony, era conhecida pela sua elegância e pelo seu papel na série de televisão "Julia", de 1968.

Nascida a 17 de julho de 1935 no Bronx, em Nova Iorque, Carroll provou ser uma talentosa cantora desde cedo, e também trabalhou como modelo e no teatro musical.

O papel em "Julia" lançou-a para a fama, com um Globo de Ouro e uma nomeação ao Emmy. Ela interpretava o papel de uma mulher bem-sucedida, numa época em que as atrizes negras geralmente desempenhavam papéis secundários estereotipados.

Através de "Dinastia" conquistou a fama mundial, com um papel de uma vilã cheia de estilo antagonista da personagem interpretada por Joan Collins, na história sobre uma família rica do Colorado.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.