"Pesadelo na Cozinha" chegou ao fim no passado domingo, 4 de junho, mas promete continuar a dar que falar. O Carolina do Aires, um dos mais conhecidos restaurantes da Costa da Caparica, foi o protagonista do último episódio do programa da TVI.

Em entrevista à revista TV Guia, o proprietário do restaurante, Agostinho Cunha, revelou que recebeu uma visita da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE). "A ASAE veio cá e os dois inspetores foram muito corretos connosco. Mandaram trocar as lâmpadas, colocar os bebedouros, arranjar e pintar o chão, deitar fora o grelhador e trocar as grelhas das frigideiras", explicou.

Esta não é a primeira vez que a ASAE visita um restaurante de "Pesadelo na Cozinha". Em abril, a Autoridade de Segurança Alimentar fechou o restaurante Canela, em Lisboa, depois da visita de Ljubomir.

A falta de higiene e a desorganização do estabelecimento lisboeta surpreenderam o chef e os espectadores. Segundo a Rádio Renascença, a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) fechou provisoriamente o restaurante por falta "de condições".

Em maio, Ljubomir visitou o restaurante Beco, no Seixal. Ao contrário do que é habitual, o chef não remodelou o espaço, tendo oferecido apenas formação às funcionárias devido às discussões com o proprietário, Rui Santos.

Em entrevista à revista NiT, o dono do estabelecimento revelou que recebeu uma visita surpresa da ASAE (Autoridade de Segurança Alimentar e Económica) uma semana antes do programa ter ido para o ar na TVI. "Estava tudo bem, só fui multado por não ter a balança no frio que é obrigatório", esclareceu.

Durante 13 semanas, o chef Ljubomir Stanisic visitou vários restaurantes de norte a sul de Portugal. Para já, não há qualquer previsão sobre uma segunda temporada.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.