Este domingo, dia 10 de março. em "Gente que não sabe estar", Ricardo Araújo Pereira analisou a ida da António Costa a "O Programa da Cristina", na SIC. "Enquanto o Presidente estava em Angola, o primeiro-ministro estava em 'casa' da Cristina. Foi cozinhar uma cataplana de peixe, mas antes falou um bocadinho da sua infância", resumiu o humorista.

Em conversa com Cristina Ferreira, António Costa recordou que tinha "um sorrisos que irritava os professores". "'Tinha um sorriso que irritava os professores'. Agora já não, felizmente. Os professores gostam muito de mim. Já nada do que eu faça os irrita. Antigamente é que davam uma reguadas, não é?", brincou Ricardo Araújo Pereira.

No programa da SIC, enquanto António Costa cozinhava, a apresentadora tentou arrumar a cozinha. Mas o primeiro-ministro recusou a ajuda. "[Este] Foi o momento em que o primeiro-ministro de Portugal rosnou a Cristina Ferreira. Ela aproxima-se da comida e ele 'rosna'", gracejou o humorista.

Em "O Programa da Cristina", António Costa não conseguiu acabar de cozinhar a cataplana de peixe. "Já não vamos ver a cataplana, porque ainda não estava pronta. É mais uma obra em que o governo não cumpre os prazos. É sempre a mesma coisa, sempre igual. Lançou a primeira pedra da cataplana, agora primeiro que a acabe", disse  Ricardo Araújo Pereira.

Veja aqui o momento.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.