"Mulher-Maravilha 1984" é a mais recente grande aposta de Hollywood a alterar a data de estreia nos cinemas por causa da pandemia de coronavírus.

A sequela do grande sucesso de 2017 com Gal Gadot foi adiada de 5 de junho (um dia antes em Portugal) para 14 de de agosto (nos EUA).

"Temos esperança que o mundo estará numa situação mais segura e saudável nessa altura", referiu o CEO da Warner Bros. Toby Emmerich em comunicado, referindo-se à atual situação que, entre outras consequências, forçou as salas de cinema a fecharem nos EUA e noutros países.

Apesar de terem circulado notícias de que o estúdio estava a ponderar um lançamento em streaming, o mesmo responsável expressou que "Mulher-Maravilha 1984" recebeu luz verde para avançar "sempre com a intenção de ser visto no grande ecrã".

Agosto foi um mês em que a Warner lançou com sucesso "Esquadrão Suicida" em 2016 e 14 de agosto estava reservado para "Malignant", um filme de terror de James Wan do mesmo estúdio, que fica sem data.

Também adiados para data a anunciar ficaram a animação "Scooby!" (prevista para 14 de maio em Portugal) e a adaptação do musical da Broadway "Ao Ritmo de Washington Heights", com Lin-Manuel Miranda (estava para 25 de junho).

Apostando num regresso à normalidade do mercado de cinema global ainda antes de apresentar "Mulher-Maravilha 1984", a Warner manteve para 17 de julho a estreia mundial de "Tenet", o muito aguardado filme secreto de espionagem de Christopher Nolan.

Desde o início de março e ainda antes do encerramento dos cinemas, o coronavírus forçou os estúdios a adiar muitas das principais apostas, como "007: Sem Tempo Para Morrer" (para novembro), "Um Lugar Silencioso 2" (ficou sem data), "Mulan" (sem data), "Os Novos Mutantes" (sem data), "Peter Rabbit: Coelho à Solta" (agosto), "Viúva Negra" (sem data), "Velocidade Furiosa 9" (abril de 2021) e "Mínimos 2: A Ascensão de Gru" (sem data).

Mais informações sobre o COVID-19.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.