Era um mistério que intrigava (alguns) fãs mais intensos dos Óscares: na cerimónia de 2006, em que estava na corrida "O Segredo de Brokeback Mountain", Jake Gyllenhaal apareceu em palco para apresentar uma montagem especial dedicada a filmes épicos e Heath Ledger estava sentado na audiência.

Ambos estavam nomeados e não ganharam: o filme sobre o romance entre dois cowboys recebeu estatuetas para a Realização (Ang Lee), Argumento Adaptado e Banda Sonora.

A ausência de Heath Ledger causou estranheza em alguns espectadores mais atentos porque os dois atores tinham funcionado como dupla durante a temporada de prémios e era peculiar não se repetir no maior evento da indústria cinematográfica.

Na época, chegou a especular-se que os produtores da cerimónia tiveram medo que se repetisse o episódio algumas semanas antes dos Screen Actors Guild, quando, no que foi um dos momentos mais bem dispostos e comentados da noite, Heath Ledger desmontou o tom pomposo do texto que lhes tinham escrito para apresentar o filme.

REVEJA ESSE MOMENTO.

De forma casual, Jake Gyllenhaal acabou por esclarecer este pequeno "mistério" dos Óscares numa entrevista recente à revista Another Man: o colega e amigo recusou ser apresentador nos Óscares porque não quis dizer piadas homofóbicas sobre o filme.

Tudo aconteceu quando o seu interlocutor comentou que tinha estado a rever vídeos das entrevistas de TV daquela época e ficou "abalado" pelo tom homofóbico de muitas conversas, com referências cómicas aos "cowboys gay", ao contrário do que era a intenção do filme.

Jake Gyllenhaal recordou-se então que os produtores dos Óscares queriam escrever uma introdução em que faziam piadas com o assunto e Heath Ledger recusou.

"Naquela altura, eu estava tipo 'Okay, tanto se me dá'. Estou sempre numa de é só para divertir. E o Heath disse 'Para mim não é uma piada. Não quero fazer piadas sobre isso.'", recordou.

"Era isso que adorava no Heath. Ele nunca gozava. Alguém queria fazer uma piada sobre a história ou o que quer que fosse, e ele dizia ‘Não. Isto é sobre amor'", acrescentou.

Heath Ledger faleceu em janeiro de 2008, vítima de overdose acidental de medicamentos.

No ano seguinte ganhou a título póstumo o Óscar de Melhor Ator Secundário pelo papel de Joker em "O Cavaleiro das Trevas".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.