O 24º filme James Bond, ainda sem título oficial, começa a 6 de dezembro com uma leitura do argumento com todo o elenco dos Estúdios Pinewood em Londres.

Regressam ao elenco Daniel Craig, no que será o quarto filme como 007 em oito anos, Ralph Fiennes, o novo M, no lugar de Judi Dench; Naomie Harris como a secretária Eve Moneypenny; Rory Kinnear como o chefe de gabinete da agência MI6; e Ben Wishaw como Q, o guru das armas e engenhocas.

Quem também está de regresso é o oscarizado Sam Mendes, que dirigiu o filme anterior, «Skyfall», o mais bem sucedido da saga a nível comercial. O realizador rejeitou inicialmente a proposta de voltar atrás das câmaras devido a compromissos com projetos teatrais e televisivos e foi o facto dos produtores acharem que valia a pena esperar por ele que motivou a demora no início da produção.

Não são conhecidos outros detalhes de «Bond 24», ainda que Daniel Craig tenha expressado o desejo que tenha mais humor do que «Skyfall». O sítio MI6, que segue com dedicação todas as novidades, refere que se está à procura de um ator «alto, atlético, imponente fisicamente de forma clássica» para o papel de capanga do vilão, que, no início do ano, constava que o grande favorito seria Chiwetel Ejiofor, nomeado aos Óscares por «Doze Anos Escravo».

Para as inevitáveis «Bond girls», a escolha está a decorrer entre escandinavas, incluindo a atriz norueguesa Synnove Macody e a cantora sueca Isabel Edvardsson.

A rodagem de «Bond 24» vai decorrer em Roma, Marrocos, nos Alpes suíços e possivelmente na Índia. Estreia a 6 de novembro de 2015.