Marisa Tomei foi uma das grandes surpresas da cerimónia dos Óscares de 1993 ao ganhar a estatueta de Melhor Atriz Secundária pela comédia "O Meu Primo Vinny".

Aos 28 anos, ela era a a mais nova, a única norte-americana e a "quinta favorita" de um grupo dominado pelas veteranas britânicas Joan Plowright (nomeada por "Viagem Sentimental"), Judy Davis ("Maridos e Mulheres"), Miranda Richardson ("Relações Proibidas") e Vanessa Redgrave ("Regresso a Howards End").

Na carreira estão mais duas nomeações para as estatuetas, pelos dramas pesados "Vidas Privadas" (2001) e "O Wrestler" (2008).

Mais recentemente, tornou-se a Tia May, a influência maternal de Peter Parker / Homem-Aranha (Tom Holland) no Universo Cinematográfico Marvel, e a mãe da personagem de Peter Davidson em "The King of Staten Island", de Judd Apatow.

The King of Staten Island

Notando uma tendência, a atriz conseguiu surpreender numa entrevista recente quando lhe foi perguntado se havia algo que a tivesse surpreendido pela positiva por ter começado a aceitar papéis de mãe.

"Na verdade, não. Estou realmente arrependida de ter avançado por essa estrada e começado a fazer isso. Convenceram-me a ir por aí – não isto [o filme "The King of Staten Island", mas esta mudança – e sempre senti que podia interpretar muitas coisas. Honestamente, é provavelmente mais forçado do que outras coisas", admitiu ao Collider.

Perante a sinceridade da resposta e a surpresa da sua interlocutora, Marisa Tomei acabou por expandir mais sobre os receios de ficar limitada a um "nicho".

"Acho que todos os atores têm muitas dimensões em si e se o âmbito do que está a ser escrito e feito é estreito, faz-se o que se pode se se quer continuar a trabalhar. É o que faço. Tentei. Talvez não fosse o caminho certo, mas tento aproveitá-lo o mais possível", justificou.

A atriz fechou o tema indicando que adoraria expandir o seu talento com personagens de "mulher fatal" no cinema "noir" ou até nas comédias românticas, principalmente as mais absurdas.

Por causa da COVID-19 que mantém a maioria dos cinemas fechados, "The King of Staten Island" foi lançado na sexta-feira (11) em video-on-demand nos EUA. Não tem data de estreia anunciada para Portugal.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.