Num rude golpe para o negócio dos cinemas em 2024, a estreia nos cinemas do oitavo "Missão Impossível" foi adiada.

A razão: estava a meio da rodagem quando começou a greve dos atores de Hollywood a 14 de julho e o estúdio Paramount assume com a mudança que já não tem tempo para finalizar "Missão: Impossível - Ajuste de Contas: Parte Dois" antes de 28 de junho de 2024 por causa da grande logística internacional e as complexas cenas de ação.

A mesma razão já tinha levado ao adiamento de "Deadpool 3", da Disney-Marvel, que estava a 3 de maio.

O "salto" vai ser praticamente de um ano, com a mudança da data de estreia para 23 de maio de 2025, o feriado do "Memorial Day", o mesmo do lançamento de "Top Gun: Maverick", o maior sucesso da carreira de Tom Cruise.

Para 28 de junho, a Paramount passou "Um Lugar Silencioso: Dia Um", 'spinoff' da saga de terror realizado por Michael Sarnoski e protagonizado por Lupita Nyong’o, que estava a 8 de março.

Foi ainda anunciado que o próximo "Missão Impossível" terá direito a três semanas de exibição em Imax e cenas filmadas com câmaras para esse formato.

Isto é uma mudança significativa em relação ao primeiro "Ajuste de Contas": com 172,1 milhões de dólares nas bilheteiras da América do Norte e 567,5 a nível mundial, tecnicamente um fracasso de bilheteira por causa do grande orçamento e despesas de lançamento, o percurso comercial foi prejudicado por só ter uma semana em Imax no último verão antes da estreia de "Oppenheimer", de Christopher Nolan, e a concorrência de "Barbie" (o fenómeno “Barbenheimer”).

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.