Após a paragem desde março por causa do COVID-19, a rodagem do sétimo "Missão Impossível" voltou a ser suspensa temporariamente até se perceber o que correu mal na rodagem de uma cena de ação em Oxfordshire (sudeste de Inglaterra).

Segundo o jornal The Sun, na terça-feira (11) a mota de um duplo incendiou-se e explodiu após o salto de uma rampa, num cenário que custou dois milhões de libras.

Os bombeiros foram chamados para apagar o incêndio e uma base da Força Aérea dos arredores teve que fechar por causa do fumo.

A cena, bastante complexa e cara, terá demorado seis semanas a preparar e Tom Cruise inspecionou tudo do dia anterior. A estrela não estava no local, mas a filmar uma "cena de neve" com paraquedas numa pedreira próxima.

"Foi um desafio gigantesco para preparar e custou uma fortuna, para não falar de semanas e semanas de de construção. Mas quando chegou o grande dia, correu terrivelmente mal", explicou uma fonte.

"A ideia era o duplo aterrar numas almofadas gigantescas cheias de cartão para amortecer o impacto, enquanto a mota caia a alguns metros de distância em segurança. Infelizmente, foi mal calculado. O calor e a fricção dos pneus fizeram com que a mota, ao bater, provocasse um incêndio nas almofadas de cartão. O fumo era tanto que tiveram que fechar um campo de aviação da RAF nas redondezas", acrescentou.

“Felizmente, ninguém ficou ferido, mas é uma catástrofe total, sem mencionar que é extremamente caro para todos os envolvidos. O Tom está muito frustrado. Ninguém quer mais atrasos", concluiu esta testemunha.

COVID-19: Tom Cruise vai criar área protegida para fazer filmes "Missão Impossível"?
COVID-19: Tom Cruise vai criar área protegida para fazer filmes "Missão Impossível"?
Ver artigo

Realizados por Christopher McQuarrie, os próximos dois filmes "Missão Impossível", sétimo e oitavo, serão os últimos da saga e filmados de seguida.

Por causa da pandemia, a estreia nos cinemas do primeiro deles passou de 23 de julho para 19 de novembro de 2021. Apesar disso e por causa da complexidade da produção que passa por vários países, a equipa está a trabalhar a grande ritmo, tendo retomado as operações numa base em Oxfordshire que funciona como "bolha" para evitar infeções.

Além de Tom Cruise e Simon Pegg, estão confirmados no elenco Vanessa Kirby, Ving Rhames, Hayley Atwell, Pom Klementieff, Shea Whigham e Henry Czerny.

Como principal vilão estará Esai Morales, que substitui o anteriormente anunciado Nicholas Hoult, forçado a sair quando a paragem forçada causou uma sobreposição de compromissos na sua agenda.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.