O ator Geno Silva, que fica na história do cinema como o assassino silencioso de Tony Montana no epílogo de "Scarface - A Força do Poder" (1983), morreu aos 72 anos.

A sua família confirmou hoje (18) o falecimento no dia 9, de uma forma de demência.

Apesar de não ter qualquer diálogo no clássico de Brian De Palma, The Skull, contratado pelo traficante de drogas boliviano Alejandro Sosa (Paul Shenar), aparecia com frequência nas listas dos melhores assassinos da história do cinema.

Um veterano dos palcos, o ator americano de origem mexicana apareceu ainda em três filmes importantes de Steven Spielberg: "1941 - Ano Louco em Hollywood" (1979), " O Mundo Perdido: Jurassic Park" (1997) e "Amistad" (1997).

Outros filmes relevantes na carreira foram "Intriga ao Amanhecer" (1988), "Mulholland Drive" (2001) e "Um Homem à Parte" (2003).

Na televisão, o seu rosto intimidador passou por várias séries icónicas das décadas de 80 e 90, como "A Balada de Hill Street", "Miami Vice", "MacGyver", "Crime, Disse Ela" e "Walker, O Ranger do Texas".

Já este século, entrou no episódio de "Alias - A Vingadora". Um dos seus últimos papéis antes da retirada em 2007 foi o do senador Senator Vrax em "Star Trek: Enterprise".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.