Jason Momoa não deixa os dois filhos verem o seu primeiro trabalho em Hollywood, que foi nas últimas duas temporadas da série "Marés Vivas" (também conhecida na versão original por "Baywatch: Hawaii").

Mas não fica por aí: Lola (14 anos) e Nakoa (12 anos) só têm direito a ver os trabalhos mais recentes do pai, ficando também de fora a sua versão fracassada de "Conan, o Bárbaro" e, por razões diferentes, "A Guerra dos Tronos".

"Eles viram muitas coisas que o papá tem feito. As primeiras coisas na minha carreira, você não pode ver. Mas pode ver as coisas novas", revelou ao programa de rádio australiano "Fitzy and Wippa", citado pela Entertainment Weekly.

Questionado então se isso deixava de fora "Baywatch", Jason Momoa foi categórico.

"Não dizemos a palavra B cá em casa! Escondemos isso tudo! Nunca aconteceu", brincou o ator de 42 anos sobre a sua prestação como nadador salva-vidas na série entre 1999 e 2001.

"Não falamos sobre essas palavras, a palavra B não aconteceu", reforçou.

Mas também "A Guerra dos Tronos" fica de fora, "apesar de ser fantástica".

"Há coisas que simplesmente... eles não podem ver 'Conan'", explicou.

A lista de visionamentos disponível para os filhos tem uma clara linha temporal: a era Aquaman.

"Neste momento, super-heróis e a seguir, estamos bem", revelou o ator, que está já em Londres para a rodagem de "Aquaman: The Long Kingdom".

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.