O acordo é oficial: Robert Zemeckis vai estar à frente da versão em imagem real do clássico da Disney "Pinóquio", a história da marioneta que desejava "ser um menino de verdade".

Além de ser o realizador, o vencedor dos Óscares por "Forrest Gump" e o grande ombreiro do clássico "Quem Tramou Roger Rabbit" vai também co-escrever o próximo rascunho do argumento com Chris Weitz ("Era Uma Vez Um Rapaz", "Cinderela", "Rogue One").

Ainda não estão atores associados, mas em novembro de 2018 constou que Tom Hanks era desejado pela Disney para ser Geppetto, o criador de Pinóquio. O ator trabalhou várias vezes com Robert Zemeckis, desde logo precisamente em "Forrest Gump".

A rodagem pode começar perto do fim do ano. Não foi avançada data de estreia, mas a Disney tem várias datas entre 12 de março de 2021 e 15 de dezembro de 2023 reservadas para filmes a anunciar.

O próximo filme da Disney baseado num clássico de animação será "Mulan", que chega aos cinemas a 26 de março. Segue-se "Cruella", sobre a vilã de "Os 101 Dálmatas", com Emma Stone, a 28 de maio.

Estão ainda em pré-produção as versões de "A Pequena Sereia" e "Branca de Neve e os Sete Anões".

Desde abril de 2015 que é conhecida oficialmente a vontade da Disney em fazer uma nova versão de "Pinóquio", mas o processo criativo tem sido atribulado.

O realizador escolhido era Sam Mendes, mas falharam as negociações com o vencedor do Óscar por "Beleza Americana", que está na corrida às estatuetas com "1917" e foi o responsável por dois dos maiores sucessos da saga James Bond, "007 - Skyfall" e "007 Spectre".

Outro cineasta que se afastou foi Paul King, dos filmes familiares "Paddington" (2014) e a sua sequela (2017).

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.