A Eurocorp, produtora do famoso realizador francês Luc Besson, anunciou na quinta-feira em comunicado que vai vender outro dos seus ativos.

Um precioso catálogo de filmes que tinha adquirido há uma década será agora negociado com o estúdio francês Gaumont.

Entre os 500 títulos fortes estão vários raros e premiados, incluindo a famosa comédia "A Turma dos Repetentes", de Claude Zidi (1980), e "A Guerra do Fogo", do próprio Besson (1981).

Deverão ser vendidos cerca de 30 outros filmes a outra entidade, não identificada.

A decisão é a mais recente no âmbito da nova estratégia da Eurocorp de se focar na sua atividade principal, a produção e distribuição de filmes e séries.

Antes já tinham sido anunciados despedimentos, a venda da divisão dedicada à televisão o encerramento da escola de cinema de Luc Besson.

O objetivo principal é conseguir receitas para sair dos prejuízos causados por vários fracassos de bilheteira, principalmente o do último filme de Besson, a ambiciosa mega-produção "Valerian e a Cidade dos Mil Planetas": 70,5 milhões de euros registados em dezembro, que se seguiram ao recorde de quase 115 milhões de perdas no ano fiscal de 2016.

Para além das dificuldades financeiras, Luc Besson está também a ser investigado por violação por causa de duas queixas apresentadas em maio pela atriz e modelo de 27 anos Sand Van Roy.

Este diz ser tratarem-se de "acusações fantasiosas".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.