Os dois profissionais vão ainda apresentar a produção “Vade Retro”, hoje no grande auditório do Rivoli, no âmbito do especial TV Globo que inclui exibições de “Carcereiros” e de “Meio expediente”.

Série com 11 episódios exibida no Brasil no ano passado, “Vade Retro” teve realização de André Felipe Binder e Rodrigo Meirelles sob direção geral de Mauro Mendonça Filho, tendo sido transmitida pela Globo Portugal no final de 2017.

Para além de Tony Ramos e de Mauro Mendonça Filho, o Prémio Carreira do Fantasporto vai também ser atribuído ao realizador, argumentista e crítico de cinema Lauro António, sendo que o seu primeiro filme “Manhã Submersa”, de 1980, vai ser exibido no final da tarde de sábado.

A 38.ª edição do Festival Internacional de Cinema do Porto termina no domingo, contando no sábado com a sessão de encerramento com a exibição de “Le Fidèle”, de Michael R. Roskam, e a entrega de prémios.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.