“Devido à grande procura de bilhetes”, artista brasileira também vai atuar na sala de espetáculos lisboeta a 28 de maio, um dia depois do seu primeiro concerto, no âmbito deste regresso a palcos nacionais, em Lisboa.

Uns dias antes, a 24 de abril, a cantora sobe ao palco do Coliseu do Porto.

Em apresentação estará o espetáculo “Abraçar e agradecer”, que celebra os 50 anos da carreira de Maria Bethânia, iniciada em 1965, no Teatro Opinião, em Copacabana.

Em palco, acompanhada por Jorge Helder (maestro e contrabaixo), João Carlos Coutinho (piano e acordeão), Paulo Dafilim (violas e violão), Pedro Franco (violão, bandolim e guitarra), Marcio Mallard (violoncelo), Pantico Rocha (bateria) e Marcelo Costa (percussão), Maria Bethânia irá cantar “músicas de todos os tempos" e outras compostas especialmente para si, nesta comemoração dos seus 50 anos de carreira, por Paulo Cesar Pinheiro, Dori Caymmi e Chico Cesar.

A artista irá narrar, igualmente, textos de Wally Salomão, Clarice Lispector e Carmem Oliveira, além de apresentar compositores novos e uma versão inédita, feita especialmente para ela por Nelson Motta.

Não ficarão, também, de fora músicas do repertório do seu último disco, “Meus Quintais”, como “Dindi” (Tom Jobim e Aloysio de Oliveira), “Xavante” (Chico César), “Casa de Caboclo” (Paulo Dafilim e Roque Ferreira) e "Uma Iara" (Adriana Calcanhotto e Cid Gomes), além de canções de compositores que marcaram a sua carreira, como Caetano Veloso, Chico Buarque, Caymmi, Gonzaguinha, Roque Ferreira e Paulo César Pinheiro.

Os concertos têm início às 21h30. As portas abrem uma hora antes. Os bilhetes, à venda nos locais habituais, custam entre €24 e €90.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.