Exímios praticantes de um grincore afilhado do rock’n’roll, Bilos e seus pares aterram em território nacional com o objectivo de fazer alastrar o caos e a confusão, por via de um D-beat contagiante.

Direccionado para o rock de cariz mais contemporâneo e vanguardista, o evento contará também com a participação dos britânicos Man Must Die, dos alemães Japanische Kampfhörspiele (ambos em estreia absoluta em solo português), e dos franceses Nightshade e Inhumate.

Já o lado mais soturno do festival será encabeçado pelos americanos A Storm of Light – colectivo liderado por Josh Graham, cujo espectáculo assenta na construção de um diálogo entre o som, a luz, o vídeo e a vagarosa oscilação dos corpos presentes -, aos quais se juntam, no capítulo das propostas mais experimentalistas do festival, os norte-americanos Minsk, os escoceses Blac Sun, os irlandeses Altar of Plagues, os franceses Habsyll e os portugueses Catacombe.

Recorde-se que, ao longo das duas edições anteriores, o Bracara Extreme Fest foi o responsável pela apresentação de bandas como os espanhóis Moho, os britânicos Taint, os franceses Monarch! ou os austríacos Grey Da Turas.

Sara Novais

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.