O Alentejo pode ter muita má fama: ou porque o compadre é preguiçoso e gosta de uma boa sesta depois de encher o bandulho, ou porque pensa e age a velocidade-de-caracol, ou até porque fala uma língua estrangeira que não se ensina nas escolas; Mas, se é verdade que "toda a alma tem uma face negra", certamente também haverá, algures, uma mais alva. Um exemplo? É fácil. Crato: uma pequena vila do Alto Alentejo, no distrito de Portalegre, com tudo menos preguiça e pasmaceira (bem, pelo menos durante quatro dias). A 29ª edição do Festival do Crato, que começou por ser uma simples feira de artesanato e gastronomia, arranca hoje e prolonga-se até dia 31. Nós dizemos-lhe porque não pode faltar!

1 - Para (quase) todas as carteiras: Não vai a festivais de verão porque o custo dos bilhetes é exorbitante e, ainda por cima, não consegue ganhar os passatempos do Facebook que oferecem passes? O Festival do Crato tem a solução: se optar pelo dia 28, o custo de entrada é de 6€; no segundo dia, os bilhetes estarão à venda por 8€ e nos dias 30 e 31 poderá entrar no recinto por 10€/dia. Se for um adepto fervoroso e não quiser perder um único dia, por 20€ terá na mão um passe completo. Tem ainda direito a campismo totalmente gratuito durante os 4 dias. Um pontapé na crise;

2 - Um regalo para o estômago: Farto dos hambúrgueres, pizzas e cachorros dos outros festivais? O Festival do Crato tem a solução: a bela da sopa de beldroegas ou de coentros, as migas de batata e de espargos que sempre quis provar, ou até mesmo o rico entrecosto de porco. Para aqueles que têm um armazém mais insaciável há ainda o bolo da sogra e a barriga de freira. Há muito ar livre para uns minutos de jogging, se as calorias apertarem.

3 - Um cartaz apelativo: Já não tem tímpanos que resistam a tantas horas de Bruno Mars na rádio? O Festival do Crato tem a solução: Carlos do Carmo, Os Azeitonas, Richie Campbell, GNR, Aurea, Diabo na Cruz e os britânicos Skunk Anansie.

4 - Oferta cultural variada: Não gosta de festivais exclusivamente de música? O Festival do Crato tem a solução: Até dia 31 de Agosto, poderá visitar a exposição “Barros de Flor da Rosa – Loiça Utilitária do Alto Alentejo"; Dia 29, o Auditório Municipal do Crato abrirá portas para uma mostra de curtas metragens ("Curtas em Flagrante"); No dia 30, vai ter a oportunidade de conseguir os seus minutinhos de fama no programa da RTP, Verão Total, apresentado por Tânia Ribas de Oliveira e Helena Coelho; e muito mais;

5 - As pernas da Aurea: O Festival do Crato NÂO tem a solução. Cada um está por sua conta.

Os On The Hop não vão faltar! Lá vos esperamos!

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.