Inspirado numa das cenas da comédia “As you like it”, de William Shakespeare, “The Seven Ages of Man”, numa adaptação do compositor Tiago Derriça para quarteto de cordas, é apresentado hoje à noite na Sala Sophia de Mello Breyner Andresen do CCB.

Trata-se de uma encomenda do festival e conta com a interpretação de Pedro Meireles e Anne Victorino d'Almeida, ambos no violino, Ricardo Mateus, na violeta, e Martin Henneken, no violoncelo, assim como com da atriz Célia Williams como recitante, segundo a programação disponível no 'site' do CCB.

“The Seven Ages of Man” para quarteto de cordas tem por base o monólogo que começa com a frase “All the world is a stage”, proferido pela personagem Jacques em “As You like it”, que compara o mundo a um palco e as pessoas a personagens, e enumera as sete idades da vida do homem.

“Este ciclo apresenta as sete fases da vida do Homem, da infância ao seu declínio e morte, em música para quarteto e com a declamação de sonetos e excertos de peças de Shakespeare, que serviram de inspiração a Tiago Derriça, para esta encomenda do Quarteto Camões”, explicou o músico Ricardo Mateus, acrescentando que “a uma obra com esta carga simbólica, não é de todo alheia a influência que recebe de ‘Sete Últimas Palavras de Cristo na Cruz’, de Joseph Haydn, na qual se sente o peso da vida de todos os homens carregados aos ombros de Cristo”.

O programa de hoje conta também com a estreia mundial de "Rei Lear", no pequeno auditório, numa adaptação para cena do compositor Alexandre Delgado e da encenadora Sara Barros Leitão, a partir da tradução de Álvaro Cunhal, constituindo também uma encomenda Dias da Música.

Esta versão conta com as interpretações de Carlos Guilherme, Paulo Calatré, Diana Sá, Teresa Arcanjo, Rodrigo Santos e da própria Sara Barros Leitão, com o Toy Ensemble, quinteto de violoncelo, oboé, clarinete, trompa e piano, composto por Jed Barahal, Pedro Teixeira, Tiago Bento, Dário Ribeiro e Christina Margotto.

De acordo com a encenadora, esta versão vai além dos motivos bélicos e da lógica patriarcal para se fixar nas relações de pais e filhos, de velhos e novos, na "solidão e a ambição sem coração".

Os Dias da Música, cuja programação este ano é dedicada a William Shakespeare, começaram na quinta-feira e decorrem até domingo.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.