Representando Portugal, o guitarrista Ricardo Martins explicou que “a guitarra portuguesa é talvez o instrumento mais importante de Portugal”, e que acompanha o fado que, em 2011, foi declarado património imaterial da humanidade pela UNESCO.

Durante o festival, que foi transmitido de maneira virtual através do Youtube, o músico português interpretou o tema “Santa Cecília”, da sua autoria, e que vai ser inserido no seu novo disco, que está em gravação.

Ricardo Martins aproveitou ainda para “deixar um grande abraço a toda a comunidade portuguesa na Venezuela”.

No início do festival, a embaixadora da União Europeia na Venezuela, a portuguesa Isabel Brilhante Pedrosa, explicou que “apesar das circunstâncias que [se vivem] devido à pandemia” da covid-19, era importante “partilhar com o público” o talento dos jovens músicos europeus.

“Tivemos que nos adaptar e dar o salto ao mundo virtual, longe das salas de concerto, mas com o mesmo entusiasmo de querer mostrar e compartilhar com vocês o talento desses brilhantes músicos europeus e venezuelanos, que juntos transformaram este festival em uma referência cultural na Venezuela”, disse.

Segundo a diplomata, tal “como outros setores, o mundo da cultura foi muito afetado pela pandemia” do novo coronavírus.

Por outro lado, Eduardo Méndez, diretor do Sistema Nacional de Orquestras e Coros Juvenis e Infantis da Venezuela, explicou que foi necessário “idear soluções para dar continuidade, em formato digital, ao festival”, precisando que se tratou da 8.ª edição.

O festival, que assinalou também o 45.º aniversário da Orquestra Sinfónica Simón Bolívar, contou com a colaboração da Escola de Música “Mozarteum” de Caracas, do Instituto Camões e das embaixadas de Portugal, Espanha, França, Itália, Alemanha, Suíça, entre outras.

No festival participaram também, como jovens solistas convidados, os pianistas Luana Kaslin (França), Anna Miernik (Polónia) e Hector Docx (Alemanha).

Também os violinistas Lucilla Rose Mariotti (Itália), Emma Rhebergen (dos Países Baixos), o guitarrista David Antigüedad (Espanha), e o violoncelista Cristoph Croisé (Suíça) integraram o evento.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.