Maria Rueff foi a convidada especial do programa "As Três da Manhã", da Renascença, esta quarta-feira, dia 8 de janeiro. Na entrevista, a atriz falou sobre o enfarte que sofreu no ano passado e pediu desculpas a quem se assustou.

"É a primeira vez que falo disto. Eu própria me assustei. Perdi um irmão com o mesmo caso. Há uma forte componente genética, mas há também uma vida de profundo stress. As nossas vidas parecem cor de rosa, divertidas, mas são vidas de profundo stress", sublinhou Maria Rueff na conversa com Ana Galvão, Carla Rocha e Joana Marques.

"Eu não tive exatamente a sensação de que estava a ter um ataque de coração. Sentia-me debaixo de um pneu de um autocarro, uma pressão no peito. A famosa dor no braço esquerdo é uma espécie de garrote. Eu achava que estava a ter um AVC e que podia ficar sem trabalhar. Só pensava... Como é que eu trabalho?", contou no programa da Rádio Renascença.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.