Na quarta edição destes prémios, que distinguem os melhores festivais e eventos de música em Portugal e em Espanha, o prémio de excelência foi atribuído a Luís Ferreira, responsável pelo festival Bons Sons, em Cem Soldos (Tomar), e programador cultural em Ílhavo.

Entre os 14 eventos de música premiados em Portugal, destacam-se as edições de 2018 do Bons Sons, eleito o melhor festival de média dimensão e com o melhor campismo/recepção, do Festival Músicas do Mundo de Sines, premiado pelo melhor programa cultural e promoção turística, e do CoolJazz (Cascais) pelo cartaz e pelo concerto de David Byrne.

Pela primeira vez foi entregue o prémio "Melhor festividade", destinado a "festas, feiras e exposições que colocam a música como principal fonte de atração", tendo sido distinguida a Expofacic de Cantanhede.

O concerto de Bezegol no festival Musa Cascais foi eleito a melhor atuação portuguesa em festival, o Artes à Vila, que aconteceu pela primeira vez em 2018 na Batalha, venceu o prémio de melhor estreia, e o Mimo Festival, em Amarante, recebeu o prémio de melhor infraestrutura.

Os Iberian Festival Awards, entregues numa cerimónia em Vigo, distinguiram ainda vários festivais espanhóis nas mesmas categorias - com exceção do prémio de excelência -, entre os quais o Rototom Sunsplash, o Bilbao BBK Live e o Mondo Sonoro.

Estes prémios são uma iniciativa do Talkfest, o fórum internacional dedicado aos festivais de música cuja vertente de debates e conferências decorrerá no dia 22 no Museu das Comunicações, em Lisboa.

A abertura dos debates ficará por conta da ministra da Cultura, Graça Fonseca.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.