Viviane vai receber o valor pecuniário de 2500 euros e o pagamento dos custos de estúdio e de gravação do tema num EP (Extended Play).

A par da canção de Viviane, foram também escolhidas, com pagamento de custos de estúdio para gravação e posterior edição em EP, "as canções ‘Toca a Andar’, de Nuno Figueiredo, e ‘Se Andarmos Fica Perto’, com letra e música de Fernando Tordo”, assinala a SPA.

O Prémio, justifica a SPA, “resultou da necessidade de a cooperativa responder às condições adversas criadas pela pandemia” e “congratula-se com a rápida resposta dos autores portugueses e com a qualidade da sua participação”.

O júri foi constituído pelos músicos Renato Júnior, Miguel Ângelo e Paulo Furtado.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.