Ao terceiro disco, o sexteto procurou fugir das repetições, tanto no processo de composição como de edição. "Pela primeira vez temos uma sala de ensaio nossa e isso faz logo diferença na forma de criarmos as nossas músicas. Foi um processo mais comum, todos juntos, em vez de se fazer uma produção por partes", disse o músico em entrevista.

"Marrow" é editado dois anos depois de "Diffraction/Refraction" e surge da conjugação da criatividade e sensibilidade de seis músicos distintos, alguns dos quais autores noutros projetos na música portuguesa.

"Não temos egos difíceis de gerir e controlar, conhecemo-nos muito bem e sabemos o que preferimos e não gostamos. ÀS vezes discutimos mais a estrutura e o tamanho das músicas", disse.

Neste novo disco nota-se uma maior presença da guitarra elétrica e dos sintetizadores, as guitarras acústicas dos primeiros discos praticamente desapareceram, mas ainda subsistem as harmonias vocais, sublinhou Afonso Cabral.

"O facto de estarmos todos juntos em estúdio se calhar fez-nos querer mais barulho", disse.

O alinhamento de "Marrow" tem canções como "Pro procrastinator", "In the light there is no sun" e "Frida", tema recuperado de uma banda sonora que o grupo criou para um filme de Alfred Machin, de 1914, sob encomenda do festival Curtas de Vila do Conde.

Com apresentação marcada para o dia 13 na discoteca Lux, em Lisboa, o título do álbum remete para a ideia de medula óssea.

"Tudo começou quando andávamos a pensar em nomes para o disco e o David [Santos] disse que as músicas lhe faziam lembrar esqueletos cintilantes a dançar. Pensámos nisso, fazia sentido e aprofundámos a coisa até chegar mesmo ao osso", contou.

Além de "Marrow" - que tem na capa uma representação abstrata de uma medula óssea vista ao microscópio - e de "Diffraction/Refraction", os You Can't Win Charlie Brown editaram o álbum "Chromatic", em 2011, e um EP homónimo em 2010.

Os You Can't Win Charlie Brown são Afonso Cabral, Salvador Menezes, Luís Costa, Tomás Sousa, David Santos (noiserv) e João Gil.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.