O gigante norte-americano de telecomunicações, que adquiriu recentemente a Time Warner, anunciou que o novo serviço será lançado no quarto trimestre de 2019. Embora na apresentação não tenham sido dados detalhes sobre o plano, John Stankey, que lidera a nova divisão criada pela AT&T, prometeu "um produto atraente e competitivo".

Com a aquisição da Time Warner, a AT&T terá acesso a um grande arquivo de filmes, séries, documentários dos estúdios Warner Bros, Turner Broadcasting e HBO, que já contam com um serviço de streaming.

"Esperamos criar um produto tão atraente que irá ajudar as distribuidoras a aumentarem a penetração dos consumidores nos seus pacotes atuais e que nos ajudará a chegar a mais clientes", disse Stankey.

A medida chega no momento em que a sua concorrente, a Disney, se prepara para lançar o seu próprio serviço de streaming para conteúdo geral, seguindo a estreia do serviço desportivo da ESPN.

Outros concorrentes para os os líderes do mercado - Netflix, Hulu e Amazon - serão os serviços da Apple, Facebook e YouTube, que pertencem à Google.

Newsletter

Os melhores filmes, as séries mais populares e a música que tem mesmo de ouvir. Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.