A irmã Cristina, uma siciliana de 25 anos, participou na passada quarta-feira na segunda fase da edição 2014 do "The Voice", na qual o júri seleciona os participantes apenas pela voz, sem poder ver o candidato.

Quando entrou em palco, de hábito preto e com uma cruz no pescoço, a freira surpreendeu pela aparência e pela voz, causando um verdadeiro furor nas redes sociais. Até o cardeal Gianfranco Ravasi, o "ministro da Cultura" do Vaticano, publicou um tweet a elogiar a atuação.

"Tenho um dom, e ofereço-o", disse a irmã Cristina a um dos membros do júri, a apresentadora e cantora Raffaella Carrà, que lhe perguntou se era, realmente, uma freira.

"Mas o que diz o Vaticano?", questionou o júri. "Espero um telefonema do Papa Francisco", brincou Cristina. O Papa "diz que devemos sair [dos conventos], que digamos que Deus não nos exclui de nada, pelo contrário, Ele estimula-nos a dar", acrescentou.

@AFP

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.