Poiares Maduro falava no debate na generalidade das propostas de alteração à Lei de Televisão e Rádio e novos estatutos da RTP, na Assembleia da República.

"Posso confirmar que na versão do contrato de concessão" que foi enviado à Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC), os "serviços de programas ficarão no centro de produção do Norte", afirmou o ministro.

"A RTP tem de beneficiar dos seus centros de produção", disse Miguel Poiares Maduro, explicando que a ideia é ter "um centro de decisão, de massa crítica no Norte".

Em relação ao futuro modelo dos centros de produção dos Açores e da Madeira, o governante disse que pediu ao conselho de administração da RTP para que fizesse um estudo e que lhe apresentasse uma nova estrutura.

"Serei eu a tomar [a decisão sobre o novo modelo] ainda antes da tomada em funções do conselho geral independente" e nessa altura "irei comunicar aos Açores e Madeira", concluiu.

@Lusa

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.