Em conferência de imprensa, o treinador frisou que a "a televisão pública não cumpre a função que devia ter". "É uma tristeza", sublinhou.

"Não é todos os dias que Portugal está num Europeu de uma modalidade que mexe com milhões na Europa. Magoa-me muito. Quando vi a Rosa Mota e o Carlos Lopes ganhar eu chorava. Quando nos ganhámos também gostava de ver as pessoas chorar. Não damos importância nenhuma ao desporto. Quando os nossos políticos perceberem que o desporto é uma parte essencial para a nossa vida vamos viver muito melhor", acrescentou Paulo Pereira.

A Federação Portuguesa de Andebol (FPA) revelou ainda que enviou uma carta à administração da RTP. Para o presidente, “um dos elementos centrais do serviço público de rádio e televisão” é a “divulgação das modalidades em geral".

A seleção portuguesa de andebol perdeu este domingo, dia 19, com a Islândia por 28-25, no segundo encontro do Grupo 2 da ronda principal do Euro2020, em Malmö, ficando mais longe do apuramento para as meias-finais.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.