Brad Pitt e Leonardo DiCaprio, juntos pela primeira vez em "Era uma vez em... Hollywood", de Quentin Tarantino, declararam esta quarta-feira no Festival de Cannes que gostaram de trabalhar no mesmo filme e esperam repetir a experiência.

"Somos da mesma geração, começámos a nossa carreira na mesma época [...] Foi muito fácil trabalhar com o Brad. Espero que tenhamos conseguido construir ligações cinematográficas extremamente próximas", afirmou Leonardo DiCaprio na conferência de imprensa que juntou a equipa do filme.

"Trabalhamos muito facilmente", reiterou Brad Pitt.

"Foi muito divertido também, nós rimo-nos bastante [...] Espero que possamos fazer isso de novo", acrescentou.

A história decorre no ano de 1969 em Los Angeles, DiCaprio e Pitt interpretam respectivamente Rick Dalton, ator de "westerns" de TV, e Cliff Booth, o seu duplo. Ambos tentam sobreviver em num mundo marcado por mudanças.

Recebido com entusiasmo pelos críticos, o filme, apresentado na terça-feira à noite, é uma ode de Tarantino ao cinema de Hollywood.

"Há muito poucas pessoas neste mundo que têm este conhecimento do cinema e da televisão. Conversar com Quentin é como conversar com um banco de dados... Este filme é a sua relação de amor com o cinema", elogiou Leonardo DiCaprio.

"Era uma vez em... Hollywood" está na corrida à Palma de Ouro, que será revelada este sábado. A chegada aos cinemas portugueses está marcada para 8 de agosto.

VEJA O NOVO TRAILER.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.