A 13.ª Festa do Cinema Italiano, que se realiza a partir de 01 de abril em várias cidades portuguesas, irá apresentar mais de 50 filmes, incluindo “Pinóquio”, de Matteo Garrone, em antestreia nacional.

O mais recente trabalho de Garrone, realizador de “Gomorra”, foi o escolhido para a sessão de abertura, a 01 de abril no Cinema São Jorge, em Lisboa, e no Cinema Trindade, no Porto, que contará com a presença do ator Federico Ielapi, de 10 anos, que interpreta Pinóquio, anunciou hoje a organização.

Para a sessão de encerramento, a 9 de abril no Cinema São Jorge, em Lisboa, a organização escolheu, também em antestreia nacional, “As coisas que nos fazem felizes”, de Gabriele Muccino, um filme “sobre a amizade e o amor desenvolvido ao longo de várias décadas”.

Em antestreia nacional serão também exibidos durante a edição deste ano “Era uma vez a Máfia”, de Franco Maresco, “Martin Eden”, de Pietro Marcello, “Momenti di trascurabile felicità”, de Daniele Luchetti, e “L’uomo del labirinto”, de Donato Carrisi.

Nesta edição, serão cinco os filmes em competição, “uma seleção de filmes que marcaram presença em festivais europeus, trazendo novos olhares da cinematografia italiana”: “Sole”, de Carlo Sironi, “Magari”, de Ginevra Elkann, “5 è il numero perfetto”, de Igor Tuveri, “Nevia”, de Nunzia De Stefano, e “Butterfly”, de Alessandro Cassigoli e Casey Kauffman.

O júri da 13.ª edição é constituído pela diretora do Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT), Beatrice Leanza, a realizadora Leonor Teles e a presidente da Fundação José Saramago, Pilar del Río.

Na secção Altre Visione, que inclui “filmes que surpreendem pela originalidade estética e pela experimentação e pretendem manter viva a discussão sobre a evolução e renovação da linguagem cinematográfica”, serão exibidos “La scomparsa di mia madre”, de Beniamino Barrese, “Il varco”, de Federico Ferrone e Michele Manzolini, e “Selfie”, de Agostino Ferrente.

Como já tinha sido anunciado, este ano o festival presta homenagem a Federico Fellini, que completaria 100 anos em 2020, o que inclui uma retrospetiva integral da obra do cineasta de, entre outros, “Amarcord” e “8½”.

Nas sessões especiais, serão apresentados os primeiros dois episódios das segundas temporadas das séries de televisão “A Amiga Genial”, de Saverio Costanzo, baseada nos livros de Elena Ferrante, e “The New Pope”, de Paolo Sorrentino, protagonizada por Jude Law, bem como da nova série “Zero Zero Zero”, de Stefano Sollima, a partir do livro homónimo de Roberto Saviano.

Além disso, será exibida a curta-metragem “The Staggering Girl”, de Luca Guadagnino, produzido em colaboração com a marca de moda italiana Valentino e que tem Julianne Moore no papel principal.

Eventos especiais e sair de Lisboa

Embora a Festa do Cinema Italiano tenha “o cinema como protagonista - com antestreias nacionais, retrospetivas e presenças de atores e realizadores italianos -, na programação há também “espaço para a fotografia, arquitetura, gastronomia e até para a realidade virtual, que é uma das novidades deste ano”.

A Cinemateca acolherá uma exposição de fotografia sobre a relação artística entre Fellini e o ator italiano Marcello Mastroianni e repartirá, com o Instituto Italiano de Cultura de Lisboa, uma mostra de reproduções de "Il libro dei sogni", um diário visual que o cineasta manteve a partir dos anos 1960.

A realidade virtual estará no festival com uma nova secção, “dedicada a produções italianas de realidade virtual”, e a gastronomia “volta a ter destaque na festa com o já famoso Cine-Jantar, que combina o cinema com o melhor da cozinha italiana” e este ano irá decorrer no Mercado do Forno do Tijolo, “com um jantar dedicado a Fellini e à gastronomia da sua terra natal, a Emilia- Romanha e a exibição de ‘Amarcord’”.

Este ano, a Festa do Cinema Italiano decorre entre 01 e 09 de abril, em Lisboa (no Cinema São Jorge, UCI El Corte Inglés e Cinemateca Portuguesa), e no Porto (Cinema Trindade).

Além disso, passará também por Almada (Auditório Fernando Lopes Graça entre 01 e 05 de abril), Cascais (Cinema da Villa de 01 a 05 de abril), Setúbal (Auditório Charlot em 02 a 05 de abril), Penafiel (no Cinemax em 04 e 05 de abril), Alverca do Ribatejo (Teatro Estúdio Ildefonso Valério 04 e 05 de abril), Coimbra (Teatro Académico Gil Vicente de 14 a 16 de abril), Viseu (Cineclube de Viseu entre 14 e 17 de abril), Beja (Paz Júlia Teatro Municipal de 21 a 23 de abril), Tomar (Cine-Teatro Paraíso de 12 a 16 de maio), Caldas da Rainha (Centro Cultural de Congressos entre 20 e 22 de maio) e Loulé (Cine-Teatro Louletano de 21 a 24 de maio).

A Festa do Cinema Italiano é organizada pela Associação Il Sorpasso, com o apoio de várias entidades, entre as quais a Embaixada de Itália, o Instituto Italiano de Cultura de Lisboa e a Câmara Municipal de Lisboa.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.