“Kintsugi” é o primeiro disco editado pela banda de Benjamin Gibbard desde 2011, ano em que chegou às lojas “Codes and Keys”, e também o primeiro lançado após a saída de Chris Walla, membro fundador do coletivo, que deixou os Death Cab For Cutie no ano passado, após ter completado o seu trabalho no novo álbum e depois de 15 anos com o grupo. A produção do disco, desde sempre entregue a Walla, ficou, desta vez, a cargo de Rich Costey

Em entrevista à “Rolling Stone”, o vocalista disse esperar que o passado da banda não afete o usufruto, por parte dos fãs, da nova música do grupo: “Eu respeito e compreendo completamente por que motivo as pessoas adoram o ‘Transatlanticism’, o ‘We Have the Facts’ ou o ‘Narrow Stairs’. E espero que, à medida que avancemos, as pessoas nos ouçam com o mínimo preconceito possível e tentem ouvir a música pelo que ela é, e não pelo que querem que ela seja”.

Consulte o alinhamento de “Kintsugi”:

'No Room In Frame'
'Black Sun'
'The Ghosts of Beverly Drive'
'Little Wanderer'
'You've Haunted Me All My Life'
'Hold No Guns'
'Everything’s a Ceiling'
'Good Help (Is So Hard to Find)'
'El Dorado'
'Ingénue'
'Binary Sea'

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.