A 61ª edição dos Grammy Awards, que este ano foi apresentada por Alicia Keys, decorreu na madrugada deste domingo, dia 10 de fevereiro, no Staples Center, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Os artistas partiam na frente da corrida, Kendrick Lamar (8 nomeações) e Drake (7) acabaram por ser os grandes derrotados da noite dominada por Childish Gambino (4 prémios), Kacey Musgraves (4 prémios), Lady Gaga (3 prémios) e Brandi Carlile (3 prémios).

Apesar de não ter estado presente da cerimónia, Childish Gambino, alter ego musical do comediante, roteirista e realizador Donald Glover ("Atlanta"),  foi um dos grandes vencedores da noite. Nomeado em cinco categorias, o artista venceu o prémio de Melhor Gravação do Ano, Melhor Videoclip e de Canção do Ano pelo tema "This Is America". O músico levou ainda para casa o galardão de Melhor Atuação Rap/Sung.

Kacey Musgraves, cantora e compositora norte-americana de música country, venceu em quatro categorias, incluíndo a de Melhor Álbum do Ano, com "Golden Hour".

Kacey Musgraves

A noite também foi de Lady Gaga, a primeira artista a subir a palco para receber um prémio de Melhor Atuação em Dueto Pop, pelo tema “Shallow”, com Bradley Cooper. Já “Joanne (Where Do You Think You’re Goin’?)" venceu o galardão de Mellhor Atuação Pop a Solo.

A artista venceu ainda na categoria de Melhor Canção Composta para Media Visual com “Shallow” (Lady Gaga, Mark Ronson, Anthony Rossomando, Andrew Wyatt e Bradley Cooper).

Nomeada em seis categorias, Brandi Carlile também foi uma das estrelas da 61ª edição dos Grammy Awards. A cantora venceu na categoria de Melhor Álbum de Música Norte-Americana, de Melhor Atuação de uma Artista Norte-Americana e de Melhor Canção Norte-Americana.

Com o disco "Everything Is Love", Beyoncé e Jay-Z levaram para casa o galardão de Melhor Álbum Urbano Contemporâneo do ano. O casal estava nomeado em três categorias, tendo perdido o prémio de Melhor Atuação R&B para H.E.R e o de Melhor Videoclip para "This Is America", de Childish Gambino.

Chloe X Halle, Luke Combs, Greta Van Fleet, H.E.R., Dua Lipa, Margo Price, Bebe Rexha e Jorja Smith disputavam o prémio de Melhor Novo Artista. Dua Lipa acabou por levar a melhor, levando o galardão para casa.

Apesar de ter cancelado a sua atuação na cerimónia, de Ariana Grande venceu o prémio Melhor Álbum Vocal Pop do ano com "Sweetener".

Já na categoria de Melhor Atuação RAP houve um empate e dois vencedores: “King’s Dead”, de Kendrick Lamar, Jay Rock, Future & James Blake, e “Bubblin”, de Anderson .Paak, foram as atuações premiadas.

Dos ritmos latinos ao rock: as atuações

A cerimónia da 61ª edição dos Grammy Awards arrancou com ritmos latinos. Camila Cabello abriu o palco do Staples Center, em Los Angeles, nos Estados Unidos, com o maior hit da sua carreira, "Havana". Para a atuação, a artista convidou J Balvin, Young Thug e Ricky Martin, que também animaram o público com "Mi Gente".

Durante a atuação, os músicos quiseram deixar algumas mensagens. Na coreografia, um dos bailarinos surgiu com um jornal onde se podia ler "construam pontes, não muros".

Depois de Alicia Keys dar as boas-vindas ao público - acompanhada por Michelle Obama, Lady Gaga, Jennifer Lopeze Jada Pinkett Smith -, Shawn Mendes derreteu corações com "In My Blood", tema do seu último disco. A meio da atuação, Miley Cyrus juntou ao cantor. De seguida foi a vez de Kacey Musgraves subir ao palco para interpretar o tema "Rainbow".

Já Janelle Monáe trouxe "Make Me Feel". A atuação da artista na cerimónia dos Grammys foi uma das mais elogiadas nas redes sociais.

Um dos momentos da noite foi a homenagem a Dolly Parton. Katy Perry e Kacey Musgraves deram início ao medley, ao som de "Here You Come Again", e receberam a artista de 73 anos em palco. De seguida, foi a vez de Dolly Parton receber a cantora e sua afilhada, Miley Cyrus, para o tema "Jolene".

Durante a cerimónia, Alicia Keys também surpreendeu ao tocar, em simultâneo, dois pianos. Ao longo da atuação, a cantora viajou por vários singles de outros artistas, terminando com "Empire State Of Mind".

Lady Gaga, uma das protagonistas, subiu a palco para interpretar o tema "Shallow", do filme "Assim Nasce uma Estrela". A atuação da cantora era uma das mais aguardadas da cerimónia e foi a mais aplaudida da noite.

Jennifer Lopez, Diana Ross, Cardi B, Post Malone, Red Hot Chili Peppers, H.E.R., Dua Lipa também animaram a cerimónia.

LISTA DE VENCEDORES

MELHOR NOVO ARTISTA

  • Chloe X Halle
  • Luke Combs
  • Greta Van Fleet
  • H.E.R.
  • Dua Lipa (Vencedora)
  • Margo Price
  • Bebe Rexha
  • Jorja Smith

ÁLBUM DO ANO

  • "Invasion of Privacy," Cardi B
  • "By the Way, I Forgive You," Brandi Carlile
  • "Scorpion," Drake
  • "H.E.R.," H.E.R.
  • "Beerbongs & Bentleys," Post Malone
  • "Dirty Computer," Janelle Monae
  • "Golden Hour," Kacey Musgraves (VENCEDORA)
  • "Black Panther: The Album," Featuring Kendrick Lamar

GRAVAÇÃO DO ANO

  •  "I Like It," Cardi B, Bad Bunny & J Balvin
  • "The Joke,"  Brandi Carlile
  • "This is America," Childish Gambino (VENCEDOR)
  •  "God's Plan," Drake
  • "Shallow," Lady Gaga and Bradley Cooper
  • "All The Stars," Kendrick Lamar and SZA
  • "Rockstar," Post Malone feat. 21 Savage
  • "The Middle," Zedd, Maren Morris and Grey

CANÇÃO DO ANO

  • "All The Stars," Kendrick Duckworth, Mark Spears, Al Shuckburgh, Anthony Tiffith and Solana Rowe
  • "Boo'd Up," Larrance Dopson, Joelle James, Ella Mai, and Dijon McFarlane
  •  "God's Plan," Aubrey Graham, Daveon Jackson, Brock Korsan, Ron Latour, Matthew Samuels and Noah Shebib.
  • "In My Blood," Teddy Geiger, Scott Harris, Shawn Mendes and Geoffrey Warburton
  • "The Joke," Brandi Carlile, Dave Cobb, Phil Hanseroth and Tim Hanseroth
  • "The Middle," Sarah Aarons, Jordan K. Johnson, Stefan Johnson, Marcus Lomax, Kyle Trewartha, Michael Trewartha and Anton Zaslavski
  • "Shallow," Lady Gaga, Mark Ronson, Anthony Rossomando and Andrew Wyatt
  • "This Is America," Donald Glover and Ludwig Göransson (VENCEDORA)

Veja aqui todos os vencedores.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.