A Câmara Municipal da Guarda refere em comunicado que a programação cultural do TMG "vai regressar em breve", com a realização do Festival de Jazz e Blues, entre os dias 1 e 11 de julho.

A iniciativa vai "decorrer ao ar livre, na esplanada do café concerto" do TMG e o seu programa artístico será anunciado "brevemente".

"O cartaz propõe concertos ao fim de tarde na esplanada e, no local, serão asseguradas todas as normas sanitárias indicadas pela Direção-Geral da Saúde (DGS) para que público, artistas e equipas técnicas estejam em segurança", acrescenta a fonte.

A nota lembra que o TMG cancelou toda a sua atividade, no dia 16 de março, devido à pandemia causada pela COVID-19.

Durante o período de paragem, a equipa "criou a plataforma digital TMG360.pt, um projeto original de visita virtual em 360º ao TMG, e planificou um programa de divulgação de conteúdos artísticos online".

A reabertura do TMG é anunciada agora, "no seguimento de um longo período de indefinição", pois apenas na semana passada a DGS e o Ministério da Cultura divulgaram as regras sanitárias e de segurança para a reabertura das salas de espetáculos.

Após "análise minuciosa" sobre a implementação e exequibilidade das novas regras impostas, o município da Guarda "decidiu manter encerrado ao público os auditórios do TMG (atividade ‘indoor') durante o verão".

"Assim, a reabertura dos espaços ‘indoor' fica agendada para setembro, com uma programação especial a anunciar oportunamente", remata o comunicado.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de COVID-19 já provocou mais de 377 mil mortos e infetou mais de 6,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Em Portugal, morreram 1.436 pessoas das 32.895 confirmadas como infetadas, e há 19.869 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

Portugal entrou no dia 3 de maio em situação de calamidade devido à pandemia, que sexta-feira foi prolongado até 14 de junho, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de março.

Esta fase de combate à COVID-19 prevê o confinamento obrigatório apenas para pessoas doentes e em vigilância ativa e o uso obrigatório de máscaras ou viseiras em transportes públicos, serviços de atendimento ao público, escolas e estabelecimentos comerciais.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.