Bruce Springsteen revelou que escreveu uma canção que foi recusada pelos produtores de "Harry Potter".

Numa entrevista à BBC radio 2, o lendário artista contou que escreveu "‘I’ll Stand By You Always" como um tributo a um filho e ofereceu-a à saga.

'Era muito boa. Era uma canção que escrevi para o meu filho mais velho, uma grande balada, o que é algo muito pouco habitual de eu cantar. Mas achei que era algo que iria encaixar muito bem'.

Aparentemente essa não foi a opinião que tem as chaves da adaptação cinematográfica da saga criada por J.K. Rowling, mas o 'Boss' está convencido que a canção tem potencial.

'Um dia gostaria de colocá-la em algum tipo de filme infantil porque é uma canção realmente adorável'

Desde o início dos anos 80 que as canções de Bruce Springsteen têm sido utilizadas nas bandas sonoras tanto de filmes como séries, mas escrever temas originais é mais raro.

A canção para "Filadélfia" (1993) ganhou o respetivo Óscar e vários críticos consideram ainda mais relevante "Dead Man Walking", escrita para o filme com Sean Penn e Susan Sarandon que em Portugal se chamou "A Última Caminhada" (1995).

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.