A Câmara de Ourique, no Alentejo, vai promover, a partir de sábado e até final de novembro, um Ciclo de Cinema pela Igualdade de Género com a exibição de três filmes sobre temáticas relacionadas, incluindo a violência doméstica.

Os filmes do ciclo, um português, um espanhol e um francês, classificados para maiores de 12 anos, vão ser exibidos no Cineteatro Sousa Telles, na vila de Ourique, distrito de Beja, sempre a partir das 21:30 e com entradas gratuitas, explica o município, num comunicado enviado hoje à agência Lusa.

Segundo a autarquia, o ciclo visa mobilizar instituições e população para a prevenção e o combate da violência de género, que é um "preocupante fenómeno social e de criminalidade".

A violência de género, na qual se inclui a violência doméstica, "é uma grave violação dos direitos humanos, em particular das mulheres, que assume proporções preocupantes, tendo a Organização Mundial de Saúde declarado que constitui um grave problema de saúde pública", refere a câmara.

O município frisa que "está sintonizado com o desafio da igualdade de género e do combate à violência doméstica" e é signatário do Plano Intermunicipal para a Igualdade que envolve os municípios de Aljustrel, Almodôvar, Castro Verde, Ferreira do Alentejo e Ourique, no distrito de Beja.

O ciclo vai começar no sábado com a exibição do filme "Dou-te os meus olhos", do realizador espanhol Icíar Bollaín e que aborda a temática da violência doméstica.

Segue-se, no dia 23 de novembro, a exibição do filme "A outra margem", do realizador português Luís Filipe Rocha e que destaca as temáticas da homossexualidade, do travestismo e da síndrome de Down.

O ciclo termina no dia 30 de novembro com a exibição do filme "Uma nova amiga", do realizador francês François Ozon sobre perturbações pelo género e novos conceitos de família.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.