Entre os muitos méritos reconhecidos de
«Estado de Guerra», está o de ter colocado nas bocas do mundo o nome de um actor de 39 anos, que já tinha sido visto em alguns papéis mas cujo nome ninguém ainda decorara.
Jeremy Renner andou em papéis secundários na televisão (
«Angel»,
«CSI») e cinema, até ganhar notoriedade em 2002 no papel principal do filme independente
«Dahmer», em que interpreta o «serial killer» Jeffrey Dahmer e pelo qual foi nomeado ao Independent Spirit Award.

Em 2003, entra no «mainstream» num papel secundário em
«S.W.A.T. Força de Intervenção». Voltou ao papel principal no também independente e elogiado
«Neo Ned» (2005), mas depois foi acumulando papéis secundários de visibilidade cada vez maior, em projectos de prestígio como
«Terra Fria» (2005),
«O Assassínio de Jesse James pelo Cobarde Robert Ford» (2007) e
«28 Semanas Depois» (2007).

O profissional do desarmamento de bombas no Iraque de
«Estado de Guerra» é, de longe, o seu papel mais popular, e a própria nomeação ao Óscar é o melhor troféu da sua carreira até à data.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.