Taika Waititi vai mesmo ser o realizador e argumentista de um novo filme "Star Wars".

O recente vencedor do Óscar de Melhor Argumento Adaptado por "Jojo Rabbit" e ainda de "Thor: Ragnarok" vai escrever a história com Krysty Wilson-Cairns, que foi uma das argumentistas do épico de guerra "1917", de Sam Mendes, que também esteve na corrida às estatuetas douradas em fevereiro.

A confirmação foi feita pela Disney nas redes sociais Star Wars no dia que é o "feriado" para os fãs celebrarem tudo o que se relaciona com a saga (por causa do trocadilho que “May the 4th” permite fazer com a frase icónica "May the Force be With You").

O cineasta da Nova Zelândia, conhecido ainda pelos títulos de culto "O Que Fazemos nas Sombras" (2014) e "Hunt for the Wilderpeople" (2016), realizou o último episódio da primeira temporada de "The Mandalorian", a primeira série em imagem real "Star Wars", onde também deu viz ao caçador de recompensas IG-11.

Em janeiro, após a imprensa especializada americana ter avançado que fora abordado para fazer um filme "Star Wars", o realizador colocou uma mensagem nas redes sociais a sugerir que se tratavam de rumores.

Nenhuma data foi marcada para a produção do novo filme, mas a primeira parte de uma nova trilogia, que seria dos criadores da série "A Guerra dos Tronos", que se afastaram,  ainda está anunciada para dezembro de 2022 na agenda de lançamentos da Disney.

O projeto agora confirmado dificilmente encaixará nessa data: Taika Waititi está a acabar a pós-produção da comédia sobre futebol "Next Goal Wins" e quando ficar claro como a indústria de cinema e televisão irá trabalhar na era da COVID-19, avançará com "Thor: Love and Thunder", cuja estreia passou de novembro de 2021 para 5 de fevereiro de 2022.

A Disney também confirmou que a co-criadora da série "Russian Doll", Leslye Headland, desenvolverá uma nova série de televisão no mesmo universo.

"Headland será argumentista, produtora-executiva e 'showrunner' da série, que se une a uma lista crescente de histórias de 'Star Wars' para a plataforma de streaming da Disney, incluindo 'The Mandalorian', agora com a segunda temporada em pós-produção", comunicou a Disney através do site Starwars.com.

Segundo informações de Hollywood, a série comandada por Headland será de ação e liderada por mulheres, "ambientada numa linha do tempo alternativa do habitual universo de 'Star Wars'".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.