De acordo com a Official Charts Company, foi nas vendas do álbum de estreia dos Disclosure que o evento teve mais impacto, com a procura por “Settle” a aumentar 138%. Já as vendas de “Bad Blood”, dos Bastille, aumentaram 132%, enquanto as de “Home”, dos Rudimental, aumentaram 130%.

Os Arctic Monkeys, por sua vez, viram a procura por “AM” aumentar 115%, com “The Next Day”, de David Bowie, a vender mais 107%.

Sobre o incremento das vendas, Martin Talbot, diretor da Official Charts Company, comentou: “Os Brits são um dos assuntos mais falados do ano, no que à música diz respeito – e estão, mais uma vez, a provar o seu poder, ao influenciaram as vendas. É ótimo que tantos excelentes novos talentos britânicos estejam a sentir os seus benefícios este ano. Duplos parabéns para os Arctic Monkeys, Disclosure e Basti-mental!”.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.