O concerto das Fifth Harmony, girlband criada no "X Factor", foi uma verdadeira viagem de avião. O voo da digressão "7/27" descolou ao som de "That's My Girl", single do segundo disco da banda, "7/27".

"Miss Movin' On" e "Sledgehammer" foram os temas que se seguiram no alinhamento e, em poucos minutos, o público provou que queria fazer a festa. Com as letras bem na ponta da língua, os jovens que encheram o Campo Pequeno não conseguiam controlar a emoção, gritando e cantando como se não houvesse amanhã - provavelmente, muitos ficaram sem voz no fim do espetáculo.

Sempre ritmadas e com uma energia de fazer inveja, Ally Brooke Hernandez, Normani Kordei, Dinah Jane Hansen, Camila Cabello e Lauren Jauregui terminaram a viagem pela Cloud 9 com "Reflection".

De seguida, o piloto avisou que o voo ia sobrevoar Fantasy Island. "This Is How We Roll", "Scared of Happy", "Write On Me" e "I Lied" foram a banda sonora da viagem. Apesar de as canções não terem sido singles dos álbuns, os fãs portugueses cantaram tudo sem hesitações, surpreendendo as Fifth Harmony. "São o melhor público de sempre", frisaram as cantoras ao longo do concerto.

Com danças bem coordenadas e sempre sintonia, a girlband voou até Mystery Island, onde passeou por temas como "No Way" e "Squeeze".

Sem grandes pausas, seguiu-se "Big Bad Wolf", "BO$$" e "Not That Kinda Girl" na "ilha do paraíso".

Entre conversas curtas com os fãs, as cantoras revelaram que passearam pela capital portuguesa e que gostaram em especial das sobremesas. "Não dá para acreditar, vocês têm as melhores sobremesas do mundo", sublinharam.

A viagem continuou com "All in My Head (Flex)", "Brave, Honest, Beautiful" e "Gonna Get Better", canções que foram diretas aos corações dos fãs mais sensíveis.

O público delirou em todos os momentos, mas especialmente ao ver Camila com uma camisola da seleção nacional portuguesa. E alguns dos jovens até poderiam muito bem substituir as cantoras em palco, visto que conhecem tão bem as letras e a coreografias das canções.

Depois de uma chamada telefónica rápida, eis que as Fifth Harmony decidem mostrar libertar toda a energia (e mais alguma) em "Worth It", o primeiro single de sucesso da girlband. Durante aproximadamente cinco minutos, o público saltou sem parar, gritou e voltou a gritar ainda mais alto.

A fechar, Ally , Normani, Dinah, Camila e Lauren cantaram "Work from Home", o primeiro single do segundo disco. Mais uma vez o publico presente no Campo Pequeno enlouqueceu e todos tentaram fazer parte da festa, ao mesmo tempo que tentavam registar da melhor forma possível o momento com os smartphones.

Durante uma hora e meia as Fifth Harmony levaram o público ao limite, como diria a girlband portuguesa NonStop. Resumindo, as "cinco meninas" apenas fizeram o que sabem fazer melhor: animar e entreter.

Veja as fotografias do concerto:

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.