Segundo o site do NME, o baterista de digressão dos Eagles Of Death Metal, Julian Dorio, fez um comunicado em que afirma que está “a contar os dias para terminar o concerto” no Bataclan, em Paris.

A 13 de novembro, os Eagles Of Death Metal estavam a atuar nessa sala de espetáculos parisiense, quando a meio do espetáculo 89 pessoas foram mortas devido a um ataque de homens armados. Nessa noite 129 pessoas morreram e 350 ficaram feridas, resultado de uma série de ataques com armas de fogo na capital francesa.

Dorio, no comunicado, agradece a vários fãs que ajudaram elementos da banda a fugir do local. “Ao Arthur, que correu pela sua vida, mesmo ao meu lado e de uma forma não egoísta colocou-nos num táxi, antes de ele mesmo entrar. Ao Fabrice que me emprestou o seu telefone, mais tarde nessa noite, para que eu pudesse ligar para Emely Dorio e deixá-la descansada”, escreveu.

Julian termina o comunicado dizendo que nunca se esquecerá de todos os heróis que conheceu nessa noite.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.