A fadista Celeste Rodrigues, irmã de Amália, morreu esta quarta-feira, dia 1 de agosto, aos 95 anos. A artista contava com mais de 70 anos de carreira. A notícia foi confirmada pelo neto, o realizador Diogo Varela Silva, na sua conta no Facebook.

Em comunicado, a editora Valentim de Carvalho avança que  o velório da fadista irá decorrer hoje, quinta-feira, das 19h00 às 4h00 (de sexta-feira) no Pátio da Galé, em Lisboa (junto à Praça do Comércio). Já o funeral realiza-se na sexta-feira, 3 de agosto, às 14h30, no Cemitério dos Prazeres.

Nascida no Fundão, em 14 de março de 1923, a irmã de Amália Rodrigues iniciou a carreira há 73 anos, ao aceitar o convite feito pelo empresário José Miguel (1908-1972), detentor de vários teatros e casas de fado, entre os quais o Café Casablanca. Do seu repertório constam, entre outros temas, “A Lenda das Algas” e o “Fado das Queixas”.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.