A tradição de reinterpretar os cartazes dos filmes nomeados para os Óscares, em versão paródia, claro, continua em força. E apesar dos estúdios e da Academia serem muito ciosos dos seus direitos, não consta que os autores tenham sido levados a tribunal. Afinal de contas, trata-se de publicidade gratuita tanto para os filmes como para os prémios.

O caso mais recente é o dos designers da
loja virtual de t-shirts RIPT, que substituíram os atores dos principais candidatos por personagens imediatamente reconhecíveis da cultura pop, desde filmes a desenhos animados, passando por comic books e videojogos.

Assim, Super Maria e a Princesa Peach são os novos protagonistas de «Gone Pricess», a nova versão de «Em Parte Incerta», que esclarece que ñão sabe o que tem até ela estar noutro castelo», enquanto Deadpool ocupa o lugar de Bradley Cooper em «Sniper Americano», que passa a «Sniper Canadense», numa referência ao facto do ator natural do Canadá Ryan Reynolds voltar a interpretar o anti-herói. E a nova versão de «O Jogo da Imitação» joga com a recente escolha de Benedict Cumberbatch para ser o Doutor Estranho para a Marvel.

A 87ª cerimónia dos Óscares realiza-se a 22 de fevereiro em Los Angeles.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.