Foi lançado o trailer da nova versão de "A Canção de Lisboa".

Trata-se do último filme de uma "trilogia de clássicos" que a produtora Stopline preparou com a RTP e de que fizeram parte "O Pátiooutros filmes do chamado período de ouro da comédia cinematográfica portuguesa: «A Canção de Lisboa» e «O Leão da Estrela».

Miguel Guilherme e César Mourão dominam as atenções no último de uma "trilogia de clássicos" que Leonel Vieira produziu para a RTP, repetindo a dupla de "O Pátio das Cantigas", que se tornou no verão de 2015, com quase 608 mil espectadores, o maior sucesso comercial de sempre.

O segundo filme, "O Leão da Estrela", lançado em novembro desse ano, passou os 198 mil.

Com realização de Pedro Varela, a nova versão parte da mesma premissa da história do clássico de 1933 com Beatriz Costa, António Silva e Vasco Santana que permanece um dos maiores sucessos do chamado período de ouro da comédia cinematográfica portuguesa.

Vasco Leitão (César Mourão) é um homem que vive da mesada das tias (São José Lapa e Alice Vieira), que vivem no Porto e o consideram um aluno cumpridor do curso de Medicina, ignorando que este prefere os bares e as mulheres bonitas, em particular Alice (Luana Martau), uma rapariga com talento para a música e filha do candidato a Primeiro-Ministro José Caetano (Miguel Guilherme).

Mas os azares de Vasco sucedem-se: no mesmo dia em que volta a reprovar uma prova oral, recebe um email em que as tias lhe anunciam uma visita a Lisboa.

Trailer "A Canção de Lisboa".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.