«Os Fados e as Canções do Alvim» é o disco de tributo ao guitarrista que acompanhou Carlos Paredes durante 25 anos e que chega às lojas a 26 de setembro.

Composto na íntegra por Fernando Alvim, «Os Fados e as Canções do Alvim» foram sendo apresentados a vários músicos e intérpretes.

O convite feito pelo Mestre foi aceite pelos intervenientes e o resultado é um espantoso disco de originais, num total de 18 Fados e 17 Canções com poemas de vários autores, entre eles Tiago Torres da Silva, Amélia Muge, João Monge e Manuela de Freitas.

O nome do disco foi sugerido por Camané. Foi o ponto de encontro que o fadista encontrou para resumir o trabalho de uma vida de um dos músicos mais importantes da história da música portuguesa.

Fernando Alvim é um nome incontornável, não só do Fado mas também da arte de tocar viola. Com um percurso que foi consumindo influências do jazz e da bossa-nova, o músico haveria de encontrar-se com o Fado ainda em tenra idade. Depois a história escreveu-se à viola na companhia de Carlos Paredes, com quem tocou durante 25 anos.

Fernando Alvim foi sempre retirando fortes laços de amizade e profissionais de todas as viagens, parcerias e noites de música.

Os seus pares, instrumentistas e cantores, foram assinalando o encanto das suas performances. Foram muitos os devotos da forma única de Alvim abordar a música que quiseram estar presentes neste disco-duplo feito de fados e canções.

Carlos do Carmo, Ana Moura, Camané, Cristina Branco, Rui Veloso, Carminho, Marco Rodrigues, António Zambujo, Pedro Jóia, Rão Kyao, Filipa Pais, Raquel Tavares, Pedro Moutinho e tantos outros fadistas, cantores e instrumentistas juntaram-se numa das mais bonitas homenagens da música portuguesa nos últimos anos.

Documentário com declarações dos artistas que colaboraram no álbum:

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.